Marco Balsinha antigo aluno da ESAD.CR apresenta projeto no Greenfest, desenvolvido no âmbito do Mestrado em Design de Produto.

Marco Balsinha no Greenfest com o projeto Uroboro, desenvolvido no âmbito do Mestrado em Design de Produto.

+ info: http://www.greenfest.pt/

xxxxxxxxxxxxxx

Antiga aluna da ESAD.CR do Curso de Artes Plásticas- MÓNICA GARCIA – conquista 1º Prémio PEDRO DE SOUSA 2016

A Bienal de Desenho de Almada “Prémio de Desenho Pedro de Sousa” organizada pela Imargem-Associação dos Artistas Plásticos do Concelho de Almada com o apoio da Câmara Municipal de Almada, tem como objectivo incentivar, promover e divulgar actividades de criação artísticas no âmbito das artes plásticas, mais precisamente no desenho.

Este prémio é aberto à participação de todos os artistas nacionais e estrangeiros residentes em Portugal com mais de 18 anos. O Prémio Pedro de Sousa (Prémio Aquisição) é atribuído pela Câmara Municipal de Almada e tem o valor de 1.000,00 €.

No passado dia 4 de Agosto, reuniu o Júri da I Bienal de Desenho de Almada-Prémio Pedro de Sousa 2016, integrando os seguintes elementos: Ana Isabel Ribeiro, Directora da Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea, Alexandre Grave, Membro da direcção e coordenador de Desenho da Sociedade Nacional de Belas Artes e Francisco Bronze, artista plástico e membro fundador da Imargem. O Júri constatou a participação de 233 desenhos de 133 artistas de todo o país. Após análise das obras a concurso seleccionou 20 obras para a exposição da Bienal de Desenho de Almada, dentre as mesmas será escolhido, pelo júri, o Prémio Pedro de Sousa e as Menções Honrosas.

 EXPOSIÇÃO I BIENAL DE DESENHO DE ALMADA integra as obras seleccionadas pelo júri e desenhos do artista Pedro de Sousa e irá decorrer de 17 de Setembro a 23 de Outubro na Sala dos Arcos do Solar dos Zagallos em Almada. 

MÓNICA GARCIA, Abrigo (2013), Carvão e Borracha Miolo de Pão s/Papel, 83.6×59.2cm

prc3a9mio-pedro-sousa-2016-mc3b3nica-garcia-abrigo-2013

Aluna do Mestrado de Artes Plástica da ESAD.CR – Patrícia Shenriq e a antiga aluna do Curso de Artes Plástica Mariana Sampaio – As únicas artistas portuguesas na exposição ARTROOMS 2017 –

ARTROOMS 2017, é a maior feira internacional gratuita de Londres, para artistas independentes.
Concorreram artistas de todo o mundo, foram pré-seleccionados 800, desses 800 são seleccionados apenas 78 artistas.
É uma exposição de 4 dias de 20 a 23 de Janeiro de 2017, que será no Hotel Meliá White House, no coração Londrino. Os artistas seleccionados são desafiados a expor o seu trabalho dentro do quarto do hotel (24m2 aproximadamente.) sem que nada do que existe no quarto saia para efeitos da exposição. Os artistas tem de encontrar uma maneira criativa de expor o seu trabalho num espaço completamente mobilado. Podem também apresentar um projecto/instalação de “site function” pensado no espaço em si.
Memória descritiva do projeto da Mariana Sampaio:
“Esta peça, é uma instalação da site function, funciona em todos os lugares, os espaços mais adequados para isso são: um anfiteatro, escadas, espaços de formato irregular ou uma sala completamente mobilada. Uma vez que os materiais utilizados são tão flexíveis, como a pele sintética, o feltro ou o plástico, que podem ser aplicados em todos os locais.Este projecto evoluí de um projecto anterior sobre objectos do quotidiano; as formas são o resultado dos objectos, pelo menos, o que restou deles, agora o que prevalece são as suas cores fortes. Ao libertar-se da sua ligação com a realidade, caminha para um campo mais abstracto entrar no reino tridimensional. O espaço “desaparece” na cor e texturas presentes no materiais usados. O espectador é convidado a entrar dentro da instalação e a explorar o espaço.O objectivo é fazer com que este se sinta absorvido pela cor, como se entrasse noutra dimensão, sentindo-se parte integrante da obra.”
Memória descritiva do projeto da Patrícia Shenriq

I’ll fix you

“Este trabalho representa a história do meu corpo, funcionando como metáfora do mesmo.

Cada peça contém folhas de feltro unidas através de linhas de algodão ou lã, com o auxilio de uma tesoura, uma luva de borracha e uma agulha. Podemos encontrar costuras bastante destacadas comparando com as cores dos feltros, o que confere um carácter pictórico a estes objetos, bem como o fazem a sua cor e colocação na parede.

A escolha do feltro deve-se à sua maleabilidade onde em cada dobra e cada viragem constituem um processo pessoal terapêutico.”

 http://www.art-rooms.org/
Projeto da Patrícia Shenriq           Projeto da Mariana Sampaio

 

Testemunho de Mariana Sampaio | Artes Plásticas – ESAD.CR

De que forma o IPLeiria contribuiu para a sua formação?
O que espera da Rede IPLeiri@lumni? 
Saiba o que nos diz Mariana Sampaio, antiga estudante da ESAD.CR.

Conheça um pouco mais do seu percurso em http://redealumni.ipleiria.pt/testemunhos/…/mariana-sampaio/

Mariana-Sampaio

Diogo Martins Antigo aluno da ESAD.CR do Curso de Artes Plásticas expõe trabalho na Ermida Nossa Senhora da Conceição/Lisboa

Ermida Nossa Senhora da Conceição

Inauguração: 30 de Agosto – 18h
Até 6 de Setembro 2016

Diogo Almeida Martins desenvolve o seu trabalho sob várias premissas, tais como a do duplo, do eu, de simulacro de realidades, do palco, da profundidade. No corpo de trabalho do artista verificamos a utilização de vários media presentes nas artes plásticas, tais como a fotografia, a escultura e a pintura. No entanto transversal a este, está presente uma ausência constante dada através das marcas deixadas pelo passado, ou de elementos que outrora ocuparam o espaço que se deixa mostrar. 

Nas suas peças a presença autoral existe através da sobreposição de duas realidades, a realidade do artista e uma realidade externa, prevalecendo apenas o que surge desta união. 

Na criação da obra final, Diogo Almeida Martins acrescenta à sua imagem uma identidade imaginária, que é no entanto uma proposta subjetiva ao observador. A interpretação das peças não é totalmente directa, uma vez que o ato de ver adiciona e constrói novas leituras.

Numa antiga Ermida, o artista propõe dar um último folgo à identidade que ao longo do tempo foi-lhe retirada. Recriando e aludindo espaços que outrora estiveram ocupados, por objectos sagrados ou por simples bancos, induzindo que na realidade tudo era como está a ser mostrado. Todo o espaço regressa ao passado, representado pelo vazio e silhuetas.
4017

Biografia 


Vive e trabalha em Portugal – Lisboa. Licenciado em Artes Plásticas, na Escola Superior de Artes e Design, nas Caldas da Rainha, onde concluiu também o Mestrado em Artes Plásticas no ano 2014. Em 1991 foi viver para a Bélgica, regressando a Portugal em 1998, onde desde então vive. Já em Portugal, o artista tem vindo a realizar várias exposições nos últimos anos, podendo ser destacadas Meia Pensão, no âmbito do Ciclo de Exposições no Hotel Madrid, Caldas da Rainha (2014), a exposição Mini Hotel, um projecto intitulado Passa a Cabine, organizado pela Fundação PT / IP Leiria, Caldas da Rainha (2013), e a Em desenho, no Museu José Malhoa, Caldas da Rainha (2012).

Info retirada em: http://www.travessadaermida.com/index.php?q=C%2FNEWSSHOW%2F4019

Antigo da ESAD.CR do Curso de Som e Imagem, Bruno Carnide soma mais um prémio! Parabéns.

NOTA DE IMPRENSA
“Calou-se. Saiu. Saltei.” vence Prémio de Melhor Filme Experimental
Bruno Carnide premiado na Sérvia

Bruno Carnide, o realizador de apenas 28 anos, natural de Leiria (Portugal), que tem vindo a arrecadar prémios pelo mundo fora, voltou, recentemente, a destacar-se com “Calou-se. Saiu. Saltei.” A curta-metragem venceu o prémio de Melhor Filme Experimental no ‘FreeNetWorld Film Fest’, na Sérvia, que decorreu de 4 a 6 do corrente mês (Dezembro, 2015).

Ao festival concorreram cerca de 700 filmes, dos quais apenas 32 foram seleccionados e exibidos no festival. Dessa selecção, o filme de Bruno Carnide acabou por ser premiado.

CALOU-SE. SAIU. SALTEI.: O filme, rodado inteiramente em película super8, relata momentos íntimos da sua vida de um homem, que acabarão por desvendar a sua verdadeira essência.

Este é o terceiro prémio da curta-metragem, depois de, em 2014, ter vencido, igualmente, prémios em festivais na Bielorrúsia e em Portugal, e exibido no início de 2015 na RTP2.

FREENETWORLD FILM FEST: O festival decorre desde 2008 na cidade de Naísso, no sul da Sérvia, e premeia as melhores curta-metragens de Ficção, Animação, Documentais e Experimentais.

BRUNO CARNIDE: Bruno Carnide (16 de junho de 1987), natural de Leiria, mostrou, desde cedo, que o seu percurso artístico e profissional seria o da 7.ª Arte, sendo que, ainda bastante jovem, foi impulsionador e organizador de vários eventos e festivais de música e cultura. Licenciado em Som e Imagem, pela Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha, o realizador conta já com vários prémios a nível nacional e internacional e exibições em dezenas de países.

Antiga aluna da ESAD.CR – Inês Dionísio – expõe no m|i|mo, museu da imagem em movimento em Leiria

10371911_914810415263141_7624247507462370083_nTons de Azul
Janeiro a Março de 2016

Cianotipia de Inês Dionísio

Tons de azul é um registo de viagens por alguns recantos do nosso país, fugidos à civilização, em que a paisagem se torna intemporal.

Neste projeto, a pintura e a fotografia unem-se através de um processo primitivo desta última, a cianotipia, e assim, a fotografia pode revelar traços da pintura.

Capa de livro realizada pelo antigo estudante da ESAD.CR Bruno Reis distinguida como a melhor capa de ilustração e Design de 2015.
Lord Mantraste (ou Bruno Reis Santos), antigo estudante (alumni) da Escola Superior de Artes e Design (ESAD.CR) do Politécnico de Leiria , foi distinguido, por dez especialistas selecionados pela revista “Sábado”, com a melhor capa de ilustração e Design de 2015.
A capa envolve o livro “Arranha-Céus”, de J. G. Ballard, edição da Elsinore, que ocupa o 2.º lugar na lista dos 33 melhores livros de ficção estrangeira de 2015.
Muitos PARABÉNS! 
+ www.jornaldeleiria.pt/…/lord-mantraste-desenha-melhor-capa-…

886258_916608878416628_7406189579624514750_o

Antigo estudante da ESAD.CR – João Pedro dos Santos do Curso de Teatro lança livro de poesia “SWords in The Night and Other Ungodly Adventures” com a chancela de uma editora norte-america. Muitos Parabéns!
+ info: http://www.underwaterbuilder.com/…/underw…/joao-pedro-santos

12418083_916912105052972_7933030834756474730_n 10399728_916912128386303_7682148003240668912_n

Antigos alunos e alunos da ESAD.CR distinguidos com prémio atribuído pelo concurso Arte Jovem VIII

A edição do Prémio Arte Jovem VIII atribuiu o Grande Prémio a Andreia Santana com a obra “Estudo para Ferramentas de Triagem”, constituída por 6 desenhos de areia vulcânica sobre papel, datada de 2015.

Decidiu também atribuir 2 menções honrosas a João Gabriel Pereira (aluno) e Rafael Faria (antigo aluno), pelo conjunto das obras apresentadas.

A exposição esteve patente até dia 9 de Abril, na Galeria Paços em Torres Vedras.

12806034_946263155451200_8392239511309989751_n

Antiga aluna do Curso de Artes Plásticas Vieira Pereira realiza exposição no Museu Municipal da Ribeira Grande

Artistas – Cláudia Furtado e Vieira Pereira
“Para lá…”
As reticências deixam sempre algo para dizer ou acrescentar e esse algo está na mente do espectador, poderá ser para lá das estrelas, do cosmos, do olho, das nuvens, da imaginação, da tela, do papel, do real –tudo pode ser possível.
A artista Cláudia Furtado trabalha com pó de carvão, grafite, pastel de óleo e com a fotografia. A Vieira Pereira trabalha com diversos líquidos e alguns moldes para decalcar as suas manchas.
Estas duas artistas mostram aqui um universo de cores e uma imagética que pode fazer viajar qualquer indivíduo13466413_1007469455997236_1446095892886635735_n 13466436_1007469429330572_4299572129932451693_n para um lugar para lá do presente.

Prémios conquistados recentemente por antigos estudantes da ESAD.CR

Andreia Santana – Menção honrosa no prémio D. Fernando II
Catarina Lopes Vicente – Prémio revelação D. Fernando II
Daniel Fernandes – Primeiro Prémio de Pintura D. Fernando II
Francisco Venâncio – Primeiro prémio Metrópoles Artes Plásticas 2016

link: http://www.aml.pt/biblioteca-digital/press-releases/entrega-de-premio-metr-poles-artes-pl-sticas-2016/

 

Sérgio Miguel, antigo estudante

testemunho de Sérgio Miguel, antigo estudante de CET e de Licenciatura na ESAD.CR.

Pode aceder ao testemunho completo em
https://www.facebook.com/redealumniIPL/notes e em http://redealumni.ipleiria.pt/testemunhos/

Aceda a este e a outros testemunhos também emhttp://redealumni.ipleiria.pt/.
13614971_1017268248387968_3872102294855436845_n

Antigos alunos e alunos da ESAD.CR distinguidos com prémio atribuído pelo concurso Arte Jovem VIII

Antigos alunos e alunos da ESAD.CR distinguidos com prémio atribuído pelo concurso Arte Jovem VIII

A edição do Prémio Arte Jovem VIII atribuiu o Grande Prémio a Andreia Santana com a obra “Estudo para Ferramentas de Triagem”, constituída por 6 desenhos de areia vulcânica sobre papel, datada de 2015.

Decidiu também atribuir 2 menções honrosas a João Gabriel Pereira (aluno) e Rafael Faria (antigo aluno), pelo conjunto das obras apresentadas.

A exposição estará patente até dia 9 de Abril, na Galeria Paços em Torres Vedras.

 

 

Antiga aluna vence na categoria de Produto do Concurso Nacional Jovens Criadores 2014

Na sequência do Concurso dos Jovens Criadores 2014 a aluna do Mestrado de Produto da ESAD.CR Soraia Gomes Teixeira, vencedora da categoria de produto com o produto “Xia”, foi uma das representantes portuguesas na VII Bienal das CPLP, que decorreu em Moçambique e Matola em Julho de 2015.

+Info
https://www.facebook.com/pages/VII-Bienal-De-Jovens-Criadores-Da-CPLP-Mo%C3%A7ambique-2015/750320705065522?fref=ts

Antiga aluna vence na categoria de Artes Plásticas do Concurso Nacional Jovens Criadores 2014

Antiga aluna de Mestrado de Artes Plásticas da ESAD.CR Andreia Santana , na sequência do Concurso Nacional Jovens Criadores 2014, vencedora da categoria de Artes Plásticas, foi a representante portuguesa da mesma categoria na VII Bienal das CPLP, que decorreu em Maputo e Mátola, Moçambique em Julho de 2015 com a peça areias movediças.
+Info
https://www.facebook.com/pages/VII-Bienal-De-Jovens-Criadores-Da-CPLP-Mo%C3%A7ambique-2015/750320705065522?fref=ts

Exposição de Livros de Artistas, Sessões de Animação e Curtas

Exposição de Livros de Artistas, Sessões de Animação e Curtas de alunos e antigos alunos da ESAD.CR decorreu entre dia 1 de outubro e 1 de novembro, no Centro de Arte das Caldas da Rainha

O Cinema de Animação entrou na ESAD.CR e consolidou-se rapidamente.
Foi a primeira escola superior a ter um curso com animação. Primeiro no curso de Artes Plásticas agora também no curso de Som e Imagem. Ao longo destes anos mantivemos uma abordagem experimentalista e dramatúrgica explorando as técnicas analógicas e digitais de forma irreverente e inovadora.
Criamos constantes diálogos entre artes e propomos convergências artísticas entre alunos de diferentes áreas. As sinergias com as tecnologias interactivas e generativas também não são esquecidas em diálogos que ultrapassam, muitas vezes, o espaço da tela de cinema para interagirem com: corpos, esculturas, tules, abóbadas, calotes…
As estratégias pedagógicas desta disciplina utilizam anualmente formas e exercícios que ultrapassam o convencional das escolas de animação, entrando num universo específico, característico da dinâmica de ensino da ESAD.CR.
Fruto dessa “diferença” temos sido convidados a colaborar com inúmeras instituições de prestigio internacional na realização de obras conjuntas, como a Orquestra da Fundação Gulbenkian, O Museu de Etnologia, a Comissão Europeia de Luta contra a Sida, O Planetário de Espinho, O Museu do Oriente, a Usina de las Artes em Buenos Aires, a Galeria DADA em Viena de Áustria, entre outras.
Dos muitos trabalhos realizados escolhemos filmes e exercícios que permitem um olhar abrangente de temáticas, estéticas, ritmos e estratégias pedagógicas que marcam a presença da arte de compor movimentos ilusórios (animação) na ESAD.CR, arte que trouxe à escola inúmeros prémios nacionais e internacionais
e um reconhecimento mundial das metodologias e estratégias pedagógicas utilizadas.
Fernando Galrito | Professor de Cinema de Animação da ESAD.CR.
Sr. Raposo | Andreia Pascoa, João Cabaço, Daniel Silva
Liberdade | Rui Rangel
Geometrias – Exercício | António Araújo
100 | Traub Viktoria – Hungria
Mapping All Pacino | Bruno Guerreiro, Romeu Cristovão, Victor Santana
Areia animada – Exercício | Colectivo
Corte na Costura | Ana Nobre
Pé Encarnado | Marisa Cardoso
Os três porquinhos – Exercício | Dion Ramos
Amor Perseverante | Nuno Vicente
Nheque | Sara Flôr
O Corvo e a Raposa – ExercÍcio | Raquel Capitão
Sr. Nuit | Maria João Clemente
Gala’messa | Carlos Filipe
Graínha | Duarte Dias e Catarina Almeida
Depressure | Davide Mourato
Smolik | Cristiano Mourato
O Corvo e a Raposa – Exercício | Joana Vidal
Mariazinha | André Paulo, André Pereira, Andreia Castro, Diogo Santos
Capuchinho Vermelho – Exercício | Claudia Batista
Perdi-te | Ana Santos
Tinta animada – Exercício | Colectivo
Vlatava | Magdalena Maglicic, Aude Fauconnier

Antigo aluno da ESAD.CR Bruno Carnide vence o Prémio de Melhor Documentário em São Tomé e Príncipe

NOTA DE IMPRENSA
Com a curta-metragem “Manuel”
O documentário «Manuel» de Bruno Carnide (realizador leiriense), e produzido pelo CoffeeMuseum.Com, venceu, no último sábado, dia 31 de outubro, o prémio de melhor documentário no festival São Tomé FestFilm, destacando-se de entre os 845 filmes, de 45 países diferentes a concurso.

Estreado há menos de dois meses, e lançado oficialmente online, a 2 de novembro de 2015, além do prémio no São Tomé FestFilm, o documentário “Manuel” já havia sido, igualmente, seleccionado para o 10th Development Film Fest (Índia) em Setembro último.

Este é já, no total, o 10.º prémio de Bruno Carnide, que conta com 7 prémios nacionais e 3 internacionais.

MANUEL
Em cerca de 7 minutos, “Manuel” apresenta uma das muitas histórias que se podem encontrar naquela terra:
“Chama-se Manuel. 71 anos. Viúvo. Carpinteiro. Dono de um lote de café, na Roça de Monte Café, em S.Tomé e Príncipe. Terra de onde tudo brota sem pedir permissão. Manuel é de sorriso largo e rasgado, com uma fala de poema. Conta uma história única de um país que esqueceu o que era produzir o café. Ele ainda o cultiva, seca, torra e mói. Mas a vida não o desgasta. Manuel não baixa os braços. Aproveita tudo o que a terra lhe dá como se fosse uma bênção. Uma semente é uma riqueza. Um bago. Uma vagem de baunilha. É impossível descrever Manuel em palavras, muito menos em fotografia. Falta o tempo húmido que cola à pele. O cheiro a terra molhada e a banana-pão acabada de fritar. Falha o som das crianças a gritar lá fora. Acima de tudo, falta a sua gargalhada permanente. Manuel é uma das poucas pessoas a produzir café em S. Tomé e Príncipe.”
+ documentário online em http://vimeo.com/123376265

BRUNO CARNIDE
Bruno Carnide (16 de junho de 1987), natural de Leiria, mostrou, desde cedo, que o seu percurso artístico e profissional seria o da 7.ª Arte, sendo que, ainda bastante jovem, foi impulsionador e organizador de vários eventos e festivais de música e cultura. Licenciado em Som e Imagem, pela Escola Superior de Artes e Design, das Caldas da Rainha, o realizador conta com 10 curtas-metragens independentes realizadas, muitas premiadas a nível nacional e internacional e exibidas em dezenas de festivais e mostras de cinema em Portugal e no estrangeiro.
+ em http://brunocarnide.com

COFFEEMUSEUM.COM
Enquanto um paralelismo com o mundo real e um museu físico, o COFFEEMUSEUM apresenta uma colecção permanente e outras exibições temporárias de vídeo e fotografia. Estas mostram, de forma completamente inovadora, a cadeira de valor do café – desde a plantação ao consumo – desvendado todos os “segredos” do trading; tradições, mitos; superstições; percepções e, principalmente, histórias.
+ em www.coffeemuseum.com

 

 

 

João Pedro dos Santos do Curso de Teatro lança livro de poesia

Antigo estudante da ESAD.CR – João Pedro dos Santos do Curso de Teatro lança livro de poesia “SWords in The Night and Other Ungodly Adventures” com a chancela de uma editora norte-america. Muitos Parabéns!
+ info: http://www.underwaterbuilder.com/…/underw…/joao-pedro-santos

10399728_916912128386303_7682148003240668912_n

 

Capa de livro realizada pelo antigo estudante da ESAD.CR Bruno Reis distinguida como a melhor capa de ilustração e Design de 2015

.
Lord Mantraste (ou Bruno Reis Santos), antigo estudante (alumni) da Escola Superior de Artes e Design (ESAD.CR) do Politécnico de Leiria , foi distinguido, por dez especialistas selecionados pela revista “Sábado”, com a melhor capa de ilustração e Design de 2015.
A capa envolve o livro “Arranha-Céus”, de J. G. Ballard, edição da Elsinore, que ocupa o 2.º lugar na lista dos 33 melhores livros de ficção estrangeira de 2015.
Muitos PARABÉNS

b8f76e7f

Antiga aluna da ESAD.CR – Inês Dionísio – expõe no m|i|mo

Antiga aluna da ESAD.CR – Inês Dionísio – expõe no m|i|mo, museu da imagem em movimento em Leiria

Tons de Azul
9 de Janeiro a 19 Março de 2016

Cianotipia de Inês Dionísio

Tons de azul é um registo de viagens por alguns recantos do nosso país, fugidos à civilização, em que a paisagem se torna intemporal.

Neste projeto, a pintura e a fotografia unem-se através de um processo primitivo desta última, a cianotipia, e assim, a fotografia pode revelar traços da pintura.

 

10371911_914810415263141_7624247507462370083_n

“Pára-me de repente o pensamento” – ESTREIA EM CALDAS DA RAINHA

Na produção do documentário, “Pára-me de repente o pensamento” de Jorge Pelicano, encontram-se dois antigos alunos da ESAD.CR -Vasco Santa Martha e Tiago Maduro

“PÁRA-ME DE REPENTE O PENSAMENTO”
ESTREIA EM CALDAS DA RAINHA
11 ABRIL | 21H30 | CENTRO CULTURAL E CONGRESSOS CALDAS DA RAINHA

“Pára-me de repente o pensamento” de Jorge Pelicano, é um documentário cinematográfico que mostra uma visão pouco explorada sobre o mundo da doença mental através do olhar do ator Miguel Borges que submergiu, durante três semanas, na realidade do Hospital Psiquiátrico Conde de Ferreira (Porto) para a preparação e pesquisa de uma peça de teatro sobre a loucura.
O ator acaba por integrar o grupo interno do teatro terapêutico constituído por alguns utentes que ensaiam uma peça a propósito dos 131 anos da instituição hospitalar. “Pára-me de repente o pensamento” pretende contribuir para derrubar estigmas em torno da doença mental permitindo ao público, através dos testemunhos dos utentes na primeira pessoa, abordar o lado humano, o irracional, o emocional e todos os outros lados que, afinal, constituem a complexidade humana.
O documentário já venceu vários prémios nacionais (Grande Prémio, Melhor Realizador, Prémio do Público nos Festival Caminhos do Cinema Português) e continua digressão por festivais internacionais.
Trailer: https://vimeo.com/125805620
Teaser: https://vimeo.com/108370674
Website: www.paramederepenteopensamento.com
Facebook: https://www.facebook.com/paramederepenteopensamento

Dia Alumni ESAD.CR – 30/04/14

eventos na esadcr

No dia 30 de abril de 2014 a ESAD.CR realizou o  Dia Alumni ESAD.CR . neste encontro estiveram presentes o seguintes antigos alunos:

Som e Imagem:

– João Rodrigues

Design Industrial:

– Catarina Militão  – que irá também receber o prémio de registo n.º 2000 na Rede.

– Gabriel Evangelista

Design Gráfico e Multimédia:

– Ana Matias

– Wilson Ribeiro

Teatro:

– João Santos

Artes Plásticas:

– Nuno Vieira

eventos na esadcr

Estes testemunhos  foram muito importante permitiram que os recentes alunos chegados tivessen a possibilidade de se confrontar com antigos alunos que já se encontram no terreno prático e assim responder á pergunta como vai ser depois.

Neste evento a antiga aluna Catarina Militão recebeu o prémio de registo n.º 2000 na Rede Alumni.

eventos na esadcr

 

 

Carlos Bunga, Artista Plástico Realizou Conferência na ESAD.CR||Artist Carlos Bunga Held Conference at ESAD.CR.

eventos na esadcr

No passado dia 6 de Novembro de 2012 o artista formado pela ESAD.CR/IPL realizou uma conferência incluída no âmbito da cadeira opcional de Artes plásticas de Configuração e Forma a convite do docente Samuel Rama.

Last November 6, 2012, the artist graduated from ESAD.CR / IPL held a conference within the discipline of Visual arts – Configuration and Shape, after the invitation of professor Samuel Rama.

12_10_Conferencia_Carlos_Bunga A conferência realizou-se no Auditório do EP 1 das 14:30 às 17:30. Nela o artista plástico Carlos Bunga mostrou uma seleção de trabalhos, desde 2003 até à atualidade.

At the conference, held in the Auditorium of EP 1 from 2:30 p.m. to 5:30 p.m., Carlos Bunga showed a selection of his works from 2003 to the present.

eventos na esadcr

Em pouco mais de nove anos de trabalho Carlos Bunga é já detentor de um percurso de assinalável interesse sendo um dos artistas formados pela Esad.cr com maior projeção internacional e por isso marcante no contexto nacional e internacional.

In just over nine years of work Carlos Bunga is already the holder of a remarkable curriculum, being one of the alumni with greater international projection and so striking career in national and international context.

eventos na esadcr

“Show Us Your Type/ Rio de Janeiro”:

eventos na esadcr

O projecto Show Us Your Type é uma iniciativa colaborativa que reúne as experimentações tipográficas que abrangem designers de todo o mundo. O objetivo é interpretar visualmente uma metrópole mundial de uma forma criativa e original. É um projecto da revista Neue com sede em Nova Iorque e Barcelona, que pretende juntar numa plataforma os cartazes tipográficos que melhor representam a cidade do mês em questão./

The project Show Us Your Type is a collaborative initiative that brings together the typographic experiments from designers around the world. The goal is to visually interpret a metropolis in a creative and original way. It is a project of Neue magazine based in New York and Barcelona, that wants to bring together in a platform the typographical posters that best represent the selected cities.

eventos na esadcr

[Cartaz à esquerda: Tiago Mateus; cartaz à direita: Michael Carreira/ Left poster: Tiago Mateus; right poster: Michael Carreira]

Tiago Mateus e Michael Carreira ilustraram a cidade do Rio de Janeiro e usaram como referência conceptual dois elementos que distinguem a cidade fora das suas fronteiras./

Tiago Mateus and Michael Carreira illustrated the city of Rio de Janeiro and used as conceptual reference two elements that distinguish the city outside its borders.

eventos na esadcr

Tiago representou o típico Calçadão, deixando-se influenciar pela beleza natural desta cidade. Tira partido das cores tropicais e da repetição de formas geométricas para criar uma dinâmica tipográfica distinta. Michael aproveitou o Carnaval, explorando uma vertente mais tribal. Utiliza cores variadas e formas dinâmicas para representar a euforia e ritmo do Carnaval. A sua tipografia é claramente exemplo de todo esse dinamismo./

Tiago represented the typical Boardwalk, letting himself be influenced by the natural beauty of this city. He took advantage of tropical colors and repetition of geometric shapes to create a distinct typographic dynamics. Michael represented Carnival, exploring a more tribal side. He used several colors and dynamic shapes to represent the euphoria and rhythm of Carnival. His typography is clearly an example of all this dynamism.

PORTFOLIOS:
Tiago Mateus: http://www.behance.net/gdbobart
Michael Carreira: 
http://www.behance.net/emedesign90

SHOW US YOUR TYPE:
http://www.showusyourtype.com/

Paulo Carneiro, Finalist Student of Sound and Image in Guinea-Bissau.

Paulo Carneiro, Finalist Student of Sound and Image in Guinea-Bissau.

This professional adventure had the core the realization of a placement in the aim of filming the movie “A Batalha de Tabatô”, produced by Papaveronoir and directed by João Viana.

The film’s shooting begins on June 6, 2011 and ending in Bissau in June 10, 2011.


Paul’s comment: “Who said that cinema is easy was totally wrong. If you are sick, if there are ants in the room, if the boat goes to the heart, if it rains at home and have the wet sheets, if you’re hot, if the tire is punctured and go eight people in a taxi if you miss your of all, if you had enough rice, if there are things that go wrong …. live on the edge and “Do not think about it.”


[“Cinema is a craft, it’s like being a bricklayer” Pedro Costa]

Marco Heleno- Concurso de Ideias 8º Poliempreende!/ Marco Heleno- 8th Competition of Ideas Poliempreende!

Marco Jorge Heleno aluno do Curso de Design Gráfico e Multimédia da ESAD.CR conquista 1º Lugar no Concurso de Ideias 8º Poliempreende – Projectos de Vocação Empresarial do IPL.

Sinopse do Projecto:
Pretende-se que a INACTO – EASY INTERACTIONS seja uma empresa dedicada à criação de soluções inteligentes, criativas, inclusivas e interactivas.

A INACTO tem como missão promover a igualdade de oportunidades na utilização de sistemas interactivos, com total consciência de que, num futuro muito próximo, grande parte das nossas tarefas diárias estarão repletas de ambientes interactivos e que, por isso mesmo, estas devem tornar-se inatas para todos./

Marco Jorge Heleno, Graphic Design and Multimedia student at ESAD.CR, won the 1st Place in the 8th Competition of Ideas Poliempreende – Business Vocation Projects of IPL.

Project Synopsis:
INACTO – EASY INTERACTIONS is intended to be a company dedicated to creating smart, creative, inclusive and interactive solutions.
It’s mission is to promote equal opportunities in the use of interactive systems, with full awareness that in a very near future, much of our daily tasks will be filled with interactive environments and that, therefore, they must become innate to all.

Ex-alunas da ESAD.CR Venceram Concurso Nacional de Design./ ESAD.CR Alumni Won the National Competition of Design.

Ana Isabel Morais, de 22 anos e Ana Cabete de 24, duas ex–alunas da ESAD.CR, foram vencedoras do Concurso Nacional de Design.  A primeira foi distinguida com vários propostas que fez para os CTT e a segunda foi distinguida na área da Cerâmica, tendo criado um novo revestimento para a Revigrés./

Ana Isabel Morais, with 22 years old and Ana Cabete with 24 years old, are two ESAD.CRalumni, were the winners of the National Design Competition. The first was distinguished with various proposals made for CTT and the second was distinguished in the Ceramic area in which created a new coating for the Revigrés.

 

Um Filme de Andreia Sobreira, “Doclisboa 2011″./A Movie by Andreia Sobreira” Doclisboa International Film Festival 2011″.

Um filme de/A film by: Andreia Sobreira, Portugal, 2011, 38.

Um combatente português na guerra colonial descreve, uma a uma, as fotografias do álbum que fez em Moçambique de 1971 a 1974. Entre o passado e o presente, o trajeto pelas imagens é guiado pelo narrador que transmite – à sua filha, a realizadora – a experiência dos “factos muito concretos” do seu “percurso doloroso como radiotelegrafista”. Do catálogo de armas ao inventário zoológico, do autorretrato à investigação etnográfica, o filme é um testemunho singular da banalidade absurda da guerra./

A former Portuguese soldier describes, one by one, the photographs of the album he made in Mozambique from 1971 to 1974, during the colonial war. Between past and present, the itinerary through the images is guided by the narrator who transmits – to his daughter, the director – the experience of “very concrete facts” during his “painful journey as a wireless operator”. From the weapons catalogue to the zoological inventory, from the self-portrait to the ethnographic investigation, the film is a singular testimony to war’s absurd banality.

+ info: http://www.doclisboa.org/2011/pt/edicao/programadetalhe/866

Bruno Carnide está nomeado para os Prémios Sophia 2012./ Bruno Carnide, is nominated for the Sophia Awards 2012.

A curta-metragem “Em Terra Frágil” do ex-aluno Bruno Carnide do Curso de Som e Imagem da ESAD.CR, foi selecionado para os Prémios Sofia da Academia Portuguesa de Cinema ./

The short film “On Fragile Land”, from former student Bruno Carnide, was selected for the Sofia Awards from the Portuguese Cinema Academy.

O filme retrata “uma viagem ao mundo mais cruel do ser humano. Percorrendo dois países, Portugal e Inglaterra, conta a história de uma mãe que se vê obrigada a deixar a filha devido a um vício oculto do marido. Em Inglaterra sofre pela distância do seu bem mais preciso, enquanto o marido, em Portugal, continua o seu vício com a filha. Será isto um modo de vida? Haverá ainda esperança?” (Bruno Carnide).

The film portrays “a journey into the most cruel world of the human being. Traversing two countries, Portugal and England, it tells the story of a mother who is forced to leave her daughter due to her husband’s hidden vice. In England she suffers from the distance of her precious daughter, while her husband, in Portugal, continues his vice with his daughter. Is this a way of life? Is there still hope? “(Bruno Carnide).

Ligações / Links:
– Entrevista a Bruno Carnide – C7nema  / Interview with Bruno Carnide – C7nema 
– Bruno Carnide Web Site
– Prémios Sophia 2012 / Sophia Prizes 2012