Festa da Francofonia na ESAD.CR

A Escola Superior de Artes e Design de Caldas da Rainha do Politécnico de Leiria recebe a Festa da Francofonia nos próximos dias 21, 22 e 23 de março. Das atividades a realizar na ESAD.CR/IPLeiria destacam-se: na terça-feira e na quinta-feira, no âmbito do ciclo de cinema francês, os filmes “O Novo” (Le Nouveau, 2015) e “Não sou um canalha” (Je ne suis pas un salaud, 2016), respetivamente.A entrada no ciclo de cinema francês, que tem lugar terça e quinta-feira às 10h30, no auditório da ESAD.CR/IPLeiria, é gratuita e aberta à comunidade.

A Festa da Francofonia é uma iniciativa da Alliance Française, e decorre durante o mês de março em todo o país.

Mais informações: http://fetedelafrancophonie.com/2017/

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
Mais informações: http://fetedelafrancophonie.com/2017/

Workshop de Serigrafia e Fotografia com Escola Secundária Viriato de Viseu

Na passada sexta-feira, cerca de 30 alunos da Escola Secundária Viriato de Viseu, visitaram as instalações da ESAD.CR, realizaram uma atividade de serigrafia, almoçaram na cantina do Campus 3 e depois fizeram um workshop de fotografia.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Workshop de Produção de Papel Artesanal

Hoje de manhã, decorreu na ESAD.CR um Workshop de Produção de Papel Artesanal no âmbito da unidade curricular de Produção Gráfica, do TeSP de Ilustração e Produção Gráfica leccionada pela Professora Alexandra Silva.

FANTASPORTO – Presença da ESAD.CR – PRÉMIO CINEMA PORTUGUÊS –UNIVERSIDADES E ESCOLAS DE CINEMA – Dia 2/03/2017

QUINTA, 2 DE MARÇO

Pequeno Auditório Isabel Alves Costa

18:00 PRÉMIO CINEMA PORTUGUÊS – UNIVERSIDADES E ESCOLAS DE CINEMA (competição) 82’

Escola Superior de Arte e Design de Leiria- ESAD.CR

 SUBMARINO, Rui Mendes, 11’50’’, Portugal

POLIS, João Fortunato, 10’, Portugal

NICHO, Ana Luísa Braga, 18’, Portugal

 

Docente da ESAD.CR Isabel Aboim Inglez realiza conferência de – o espaço desenhado no tempo – na FBAUL dia 13 JANEIRO > 14H00 I SALA 3.07 I

Docente da ESAD.CR Isabel Aboim Inglez realiza conferência de – o espaço desenhado no tempo – na FBAUL dia 13 JANEIRO > 14H00 I SALA 3.07 I

Desenvolvimento temático:

O espaço que nasce do Desenho no universo do Cinema constrói um discurso tão eloquente quanto polissémico.

Na intersecção do Desenho com o Cinema surge o Cinema de Animação, onde o desenho é Matéria mas também Ideia na construção espacial.

O espaço, enquanto projecção do mundo é o que pretendemos e fazemos dele, sendo os modelos que adoptamos o reflexo das nossas estratégias e modos de representação.

Assim, a representação espacial revela-se uma formulação não só definidora mas também criadora do espaço.

De que modo o desenho tem um papel estruturante mas igualmente transformador do Espaço de apresentação no Cinema e em particular no Cinema de Animação?

Quais as suas estratégias em jogo?

Objectivos:

  • Estabelecer o espaço na sua dimensão representativa.
  • Estratégias adoptadas pelo Cinema de Animação – continuidade e contiguidade espacial.
  • O Desenho como modo de ligação entre a ideia e a imagem, na construção de Mapas (representações) e a Viagens (percursos) em Animações.

Isabel Aboim (CV):

  • (n.1971)
  • Formação em Imagem na ESTC – Escola Superior de Teatro e Cinema. Licenciada pela ESTC – Realização.
    Doutoramento em Animação na Universidade Politécnica de Valência – UPV – com a tese – «O desenho como construtor do espaço no cinema de animação.»
  • Entre 1997 e 2002, leccionou Cinema de Animação  e no CITEN – Centro de Imagem e Técnicas Narrativas da Fundação Calouste Gulbenkian.
  • Entre 1998 e 2005, leccionou Fotografia e Cinema/Vídeo na Escola Secundária António Arroio. Desde 2006, é Professora da área de Imagem/Fotografia (SI) da ESAD.CR – Escola Superior Arte e Design.
  • Faz animação desde os 14 anos. O domínio da Imagem (Desenho, Luz, Fotografia e Cinematografia) não somente é a área em que recebeu formação, como também tem sido o da sua actividade académica e de criação. Presentemente desenvolve trabalho nas áreas de Ilustração, Animação, Direcção de fotografia, Câmara, Iluminação para Teatro e Realização.

Da sua Filmografia em Animação, destacam-se os seguintes títulos:

De Cabeça Perdida (2000) -18min

Sêlo ou não Sê-lo (2006) – 9min

Do Céu e da Terra (2012) – 12min

http://www.belasartes.ulisboa.pt/o-espaco-desenhado-no-tempo/

Alunos da ESAD.CR do TeSP AVM participaram no no evento Future Places no Porto

Alunos da ESAD.CR do TeSP AVM participaram na visita de estudo do passado dia 19 ao “Festival Future Places”, no Porto. No link seguinte consta a referência à ESAD.CR<http://ESAD.CR&gt; e a descrição de todos os alunos participantes. http://futureplaces.org/labs/vozes-para-um-comicio/

 

Link que dá acesso à sonoplastia criada pelos alunos, conceção, captação, edição e mistura. Este material foi usado em público no Porto no dia 21, pelo “Movimento +_”

( consulta: http://futureplaces.org/labs/±-grande-comicio-maismenos-±/).

 

Colaboração e difusão em:

http://radiomanobras.pt

 

 

 

 

Exposição Arte e Performance

EXPOSIÇÃO ARTE E PERFORMANCE

Integrado no Caldas Late Night 20, a exposição contempla a apresentação de trabalhos realizados na disciplina de opção “Arte e Performance” do curso de Artes Plásticas, (ESAD CR).

A exposição integra performance, objectos que resultam de performance, objectos que fazem parte de performance, objectos entendidos enquanto performance, e outros indícios.

25, 26 e 27 e maio

18h00/23h00 – Atelier 6

Integrado no Caldas Late Night 20


13256499_995948390482676_5637676814028390609_n

Molda 2016

MOLDA é uma bienal integrada no programa Caldas da Rainha Cidade Cerâmica que inclui exposições, conferências, workshops, edições, projectos de mapeamento, estudo e revitalização de estruturas de criação.

Caldas da Rainha Cidade Cerâmica é um programa que valoriza as múltiplas vertentes da actividade cerâmica numa cidade que a desenvolve desde a sua origem, há mais de cinco séculos.
Todos os domínios da cerâmica aqui foram e continuam a ser cultivados – da cerâmica utilitária à decorativa e artística, da cerâmica de construção ao revestimento e loiça de mesa, da olaria, à faiança, ao grés e à porcelana. Todas as tipologias de fabrico aqui foram e continuam a ser efectivados: da indústria à pequena produção artesanal e à peça de autor. Todas as modalidades de produção de conhecimento aqui foram e continuam a ser referenciadas: do ensaio através da experiência à investigação laboratorial, da formação em contexto profissional à escolaridade formal e dedicada. Todos as áreas da criatividade aqui foram e continuam a ser implicadas: das formas à técnica e tecnologia, das pastas aos vidrados, dos materiais à cozedura e ao design.
Este programa reconhece e projecta as Caldas da Rainha como um centro produtor particularmente qualificado para a fixação, difusão, experiência, aprendizagem da cerâmica, nos planos nacional e internacional. Pretende-se reforçar as dimensões cultural, económica, turística da cerâmica na cidade, na região e no panorama nacional do sector.
Numa primeira fase, entre 2015 e 2020, Caldas Cidade Cerâmica envolverá os actores locais e da região em acções de apresentação, criação e celebração da actividade cerâmica. Alternadamente, desenrolar-se-ão projectos de exposições, conferências e edições, nos anos pares, e projectos de mapeamento, estudo e revitalização de estruturas de criação, nos anos ímpares. Os primeiros, com início em 2016, configuram uma bienal designada MOLDA.
Os resultados desta iniciativa, de que é protagonista a Câmara Municipal das Caldas da Rainha, com um vasto conjunto de parcerias, permitirão que a cidade seja em 2020 candidata ao título de cidade criativa da Unesco.

MOLDA 2016 arranca com um ciclo de conferências sobre cerâmica, arte e design: história e tendências, a 25 de Maio, 1 e 8 de Junho.

[https://gallery.mailchimp.com/…/06ee7882-592d-450a-a849-8ff…]

Entrada livre (sujeita à lotação das salas)

Programa:

25 de Maio – 14h30 Auditório ESAD CR

Cerâmica, Inovação e Design

Pretende-se abordar o estado da arte da investigação em cerâmica nomeadamente nas áreas da engenharia e do design e conhecer as principais necessidades de inovação das empresas deste setor, tendo em vista reforçar eventuais redes entre instituições de ensino superior, centros tecnológicos e empresas nos domínios do desenvolvimento de projetos de investigação e de desenvolvimento tecnológico de interesse comum, com incremento de valor para o setor cerâmico nacional.
14h30 – Apresentação

14h45
“A importância da inovação e do design na competitividade na indústria cerâmica”
Carla Moreira
CEO da Arfai Ceramics Portugal e membro da Direção da NERLEI

15h15
“Prestação de serviço e transferência de conhecimento para o setor da cerâmica”
Maria Leopoldina Alves
CTC-OTIC – Centro de Transferência e Valorização de Conhecimento do Instituto Politécnico de Leiria

15h45 – Pausa para Café

16h00
“A experiência do CTCV na investigação e desenvolvimento aplicada na cerâmica”
Hélio Jorge
Responsável da área de Materiais Avançados e Design de Produto do CTCV – Centro Tecnológico de Cerâmica e Vidro

16h30
“Investigação em cerâmica”
Joaquim Manuel Vieira
Professor Catedrático do Departamento de Engenharia de Materiais e Cerâmicos da Universidade de Aveiro e Vice-Diretor do Laboratório Associado – CiICECO – Centro de Investigação de Cerâmicos e Compósitos

17h00 – Debate

Moderação:
José Manuel Frade
Professor Adjunto da ESAD CR

1 de Junho – 14h30 Pequeno Auditório CCC Centro Cultural e de Congressos das Caldas da Rainha

Cerâmica, Design e Sustentabilidade

O principal objectivo desta conferência é suscitar a reflexão sobre como as abordagens baseadas na ecologia aplicadas às práticas de design podem contribuir, definitivamente, para a concepção e desenvolvimento de produtos e serviços mais respeitadores do ambiente e, por conseguinte, tornar-se uma prática comum na elaboração de estratégias de desenvolvimento sustentável.
14h30 – Apresentação
“Sustentabilidade da Cerâmica e Competitividade Internacional”
EndFragment
José Luiz de Almeida

14h45
“A Industria Cerâmica – desafios e compromissos para um futuro Sustentável”
Silvia Machado
Departamento de Ambiente e Energia da APICER – Associação Portuguesa da Industria Cerâmica e da Cristalaria

15h30
“Economia Verde – conceitos e oportunidades para um design sustentável”
Sofia Santos
Secretária geral da BCSD Portugal – BUSINESS SOLUTIONS FOR A SUSTAINABLE WORLD

16h15 – Pausa para Café

16h30
“100% Sustainable Ceramics Design — Data and Emotion”
From Stylists to Sustainability Superheroes — How Designers will change the world, save nature and reveal truth Edwin Datschefski BIOTHINKING International – Consultancing & Training on Sustainable Design

17h30 – Debate

Moderação:
José Luiz de Almeida
Professor Adjunto convidado da ESAD CR e Especialista em Prospectiva Estratégica

Organização:
Fernando Carradas
Assistente do 2º Triénio da ESAD CR

8 de Junho – 14h30 Auditório ESAD CR

História da Faiança em Portugal:
novas abordagens

Resultados e pistas de investigação recentes no domínio da história da produção de faiança em Portugal, do século XVI ao XX.
14h30 – Apresentação

14h45
“Coimbra, centro produtor de faiança, séculos XVI-XIX”
Alexandre País
Conservador do Museu do Ajulejo, investigador de história da cerâmica.

15h15
“A faiança de inspiração naturalista caldense do século XIX”
Cristina Ramos Horta
Conservadora aposentada do Museu de Cerâmica, investigadora de história da cerâmica

15h45 – Pausa para Café

16h00
“A faiança do Juncal e de Alcobaça, dos séculos XVIII-XX”
Jorge Pereira de Sampaio
Técnico superior do Mosteiro de Alcobaça, investigador de história da cerâmica

16h30
“A cerâmica modernista em Portugal e nas Caldas”
Rita Gomes Ferrão
Investigadora de história de cerâmica contemporânea

17h00 – Debate

Moderação:
João B. Serra
Professor Coordenador da ESAD CR e investigador de história da cerâmica

[https://gallery.mailchimp.com/…/6b6f3584-c3c5-40a9-8de0-545…]
Workshop

Mission Impossible – Globe Protocol

Edwin Datschefski* (BioThinking International)
1 Junho 2016 – 10h00 – 12h00 ESAD CR

A Conferência de Edwin Datschefski será precedida por um Workshop na ESAD CR, no dia 1 de Junho, entre as 10h00 e as 12h00.
Através da análise a vários produtos em cerâmica, os participantes vão conhecer o ciclo de vida dos produtos a partir do seu contexto global de criação e produção de forma a que se possa tentar atingir produtos 100% sustentáveis.

Inscrições: molda@molda.org.pt<mailto:molda@molda.org.pt>
Nº máximo de particiantes: 30
A participação no workshop é gratuita, sujeita a inscrição.

*Edwin Datchefski é o autor do livro The Total Beauty of Sustainable Products. Investigador especializado no desenvolvimento e promoção de conceitos de design para produtos sustentáveis, alerta todos os envolvidos no processo de design para a urgência de repensar os produtos, no sentido de os tornar 100% sustentáveis.
Mais informações em: www.biothinking.com<http://www.biothinking.com/>

b41fdd72-0ff5-41b6-84ab-0c4d88730ece

A 13ª Edição do Comunicar Design

Comunicar Design XIII

“Explosão de ideias no processo criativo – do processo mais comum à experimentação incomum” é o mote da XIII edição do Comunicar Design, que decorre na Escola Superior de Artes e Design de Caldas da Rainha do Politécnico de Leiria (ESAD.CR/IPLeiria) nos próximos dias 17, 18 e 19 de maio, com especialistas das áreas do design gráfico, grafíti, tipografia, ilustração, etc. Organizado pelos finalistas e docentes do curso de Design Gráfico e Multimédia, o Comunicar Design visa complementar o percurso de aprendizagem dos estudantes, estimular a criatividade e a partilha de experiências com profissionais, permitindo a reflexão sobre o design através de conferências, exposições, workshops e masterclasses, e ainda uma feira de objetos de autor.

O evento tem início a 17 de maio, terça-feira, às 9h30, e às 10h00 inicia-se o ciclo de conferências com Carolina Cantante e Catarina Carreiras, responsáveis pelo Studio AH-HA, ateliê de design gráfico e comunicação. Segue-se, às 11h15, a conferência com Tyrsa, artista francês que se dedica à expressão da letra através do grafíti. Tyrsa é também o responsável pelo workshop que decorre às 15h30, em simultâneo com a masterclass do Studio AH-HA.

A 18 de maio decorrem conferências com Hubert Jocham, designer alemão de fontes e tipografia, e Eduardo Aires, diretor artístico da White Studio, a partir das 10h00. Às 15h00 realiza-se um workshop com Hubert Jocham, e uma masterclass/workshop com Mariana Branco e Emanuel Barreira, fundadores do Halfstudio, estúdio de lettering e design gráfico.

O último dia do evento tem início às 10h00 com as conferências de André da Loba, artista dedicado à ilustração, e Studio Dobra, estúdio de design gráfico portuense fundado por André Cruz e João Guedes. Às 15h00 decorrem dois workshops, também ministrados por André da Loba e Studio Dobra. Às 15h00 são recebidos na ESAD.CR Diogo Trindade, responsável pelo projeto FUL, João Prior, da Hi Interactive, empresa de design digital, e Alexandra Carreira, do Jornal da Caranguejeira. A festa de encerramento ocorre às 23h45.

 

 

Seminário Permanente na ESAD.CR

Amanhã apresentação de Trabalho/Conversa com Realizador – “Independência- O Cinema Faz Tu mesmo” com Eduardo Morais, Helena Fagundes e João Pombeiro.

Auditório EP1

17h00

ESAD.CR 2016

amanhã

Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior visita a ESAD.CR

Na passa terça-feira, 10 de maio, Manuel Heitor, Ministro da Ciência, Tecnologia e do Ensino Superior visitou as instalações da Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha.

Durante a visita teve a oportunidade de conhecer algumas das oficinas e alguns dos trabalhos realizados pelos alunos e pelos docentes da ESDAD.CR.

O Senhor Ministro percorreu todas as Instituições do Instituto Politécnico de Leiria e a sua visita incorporou-se no âmbito da estratégia “Cidades e Regiões com Conhecimento”.

Seminário Permanente na ESAD.CR

Hoje presentação de trabalho/ Conversa com artista “We Will Drink From The Sun” com José Mendes.

Auditório EP1

17h00

ESAD.CR 2016

MAIO&amp;JUNHO---10-SEMANA---Confs---ESADCR_2016

Comunicar Design XIII

O Comunicar Design é um evento organizado pelos alunos finalistas e docentes do curso de Design Gráfico e Multimédia da ESAD.cr — Escola Superior de Arte e Design de Caldas da Rainha, que culmina em 3 dias intensos —17, 18 e 19 de Maio de 2016.

O programa do evento é desenhado para complementar o percurso de aprendizagem dos alunos, estimular a criatividade e a partilha de experiências entre alunos e profissionais, visando reflectir sobre o design e seus intervenientes através de conferências, exposições temáticas, workshops, masterclasses e ainda uma feira de objectos de autor.

Nesta XIII edição do Comunicar design o mote é a explosão de ideias no Processo Criativo — do processo mais comum à experimentação incomum.

Um evento desenhado em primeiro lugar para os alunos, mas aberto à comunidade em geral enquanto programação cultural e espaço de reflexão sobre fenómenos associados ao design.

Mais informações em:

facebook.com/comunicardesign
comunicardesign.tumblr.com

 

Festival Eva

A 6ª Edição do Festival Eva está a chegar! Para isso mostramos alguns vídeos dos convidados que fizeram parte da 5ª Edição.

Mantém-te ligado ao Festival Eva e fica atento às novidades.

ESAD.CR 2016

Jantar da Semana Internacional

A cantina da Escola Superior de Artes e Design das Caldas transformou-se num espaço tipicamente português, onde os convidados da Semana Internacional se sentiram muito próximos da cultura portuguesa.

A gastronomia envolveu sabores de diferentes regiões, mas a decoração foi tipicamente portuguesa. A noite foi acompanhada pela guitarra e voz de um antigo estudante da ESAD.CR e também pela voz de uma aluna, que encantou todos com a sua voz fadista.

O tempo passou a correr e os convidados foram embora com um sorriso que se notava à distância.

 

4 Estações – Residência artística no Museu de Leiria com aluno da ESAD.CR – Pedro Brito

4 Estações (em Sto Agostinho) é um projeto de parceria entre o LIDA/ESAD.CR e a Câmara Municipal de Leiria/ Museu de Leiria.

Trata-se de um projeto de residência artística com a duração de uma semana e exposição no final.

Quatro jovens artistas, estudantes na ESAD.CR foram convidados a participar neste projeto que se estenderá durante um ano.

Pedro Brito iniciou a sua residência no dia 3 de maio, inaugurando a sua exposição no dia 7 de maio, às 15.00h, na Sala do Capítulo do Museu de Leiria.

ESAD.CR 2016

13133231_983734198370762_2373423368778792151_n

Semana Internacional

A Semana Internacional arrancou na segunda-feira!

Aqui ficam as fotografias da abertura da Semana, com a Exposição de Estudantes em Mobilidade Internacional.

A receção foi ótima, mantenha-se a par de tudo!

Concurso ESAD.CR/Casa Mãe

Concurso ESAD.CR/Casa Mãe

A CASA MÃE

Orientado para o desenvolvimento local, socialmente responsável e dirigido para a comunidade, o projeto Casa Mãe tem como objetivo oferecer uma experiência autêntica e simples onde se possa experimentar a “tranquilidade portuguesa”. Procura oferecer um local acolhedor e inspirador onde se possa ter acesso a produtos locais, quer seja através do mercado de produtos orgânicos a artesanais, quer da experiência de ficar hospedado num dos vários espaços de que dispõe.

O CONCURSO

No âmbito de um concurso promovido pela Casa Mãe, foi pedido aos alunos que desenvolvessem propostas para dois objetos que serão utilizados no espaço do hotel Casa Mãe:

 

  1. Sistema para venda ao ar livre para o Organic Farmers Market.
  2. Assento para interior e exterior.

 

Procurou-se que o alunos interpretassem a identidade e objetivos do hotel Casa Mãe, contribuindo com os seus projetos para uma experiência de tranquilidade, autenticidade e simplicidade que equilibrasse as vivências rurais algarvias com as expectativas de conforto de um hotel contemporâneo.

 

O projeto foi acompanhado pelos professores Sérgio Gonçalves e Renato Bispo, que trabalharam com uma turma de 27 alunos do primeiro ano do Mestrado em Design de Produto, organizados em grupos de 2 a 3 elementos. Foram desenvolvidas 6 propostas de sistema de venda ao ar livre e 7 propostas de assentos para interior e exterior.

 

O desenvolvimento do projeto foi organizado em três fases:

 

1ª fase (29 de Outubro a 13 de Novembro de 2015) – Cada grupo de alunos apresentou pelo menos um conceito de projeto para cada uma das tipologias propostas, procurando interpretar o significado da noção de “tranquilidade portuguesa”, relacionando-a com o património natural e cultural do Algarve. Esta fase terminou com apresentação das propostas a um juri constituído por dois elementos do Hotel casa Mãe e os dois professores da ESAD.CR responsáveis pelo acompanhamento do projeto.

 

2ª fase (19 de Novembro de 2015 a 27 de janeiro de 2016)  Cada grupo de alunos, desenvolveu um protótipo da proposta selecionada pelo júri no final da 1ª fase, otimizando-o de forma a ser resistente, confortável e  fácil de produzir em madeira. Foi realizada uma exposição de resultados na ESAD.CR.

 

3ª fase ( Junho a Julho de 2016) Será realizada uma exposição dos projetos desenvolvidos, no espaço do hotel Casa Mãe, em que ocorrerá uma cerimónia de atribuição de prémios aos dois projetos escolhidos.

 

 

 

 

 

RESULTADOS

ASSENTOS

  1. André Paiva, Filipa Bernardes e Liliana Gouveia

Conjunto composto por um banco baixo, um banco alto e uma cadeira de braços. Foi desenvolvido a partir dos conceito da tranquilidade portuguesa e da experiência de uma vida rural, procurando enfatizar a ideia de artesanato e manualidade ao recorrer a um desenho caracterizado por um certo desequilíbrio e assimetria da forma e à aplicação manual de pintura como acabamento.

 

  1. Hugo Martins, Miguel Ferreira  e Eduardo Vanzeler

Reixa é um banco coletivo que procura associar uma linguagem contemporânea a formas tradicionais, evocando o desenho das reixas algarvias. Uma malha em corda assenta numa estrutura leve de madeira, promove a interação coletiva com base no comportamento elástico que o assento apresenta.

 

  1. Ana Soares e Beatriz Machado

Conjunto de duas cadeiras de baloiço com estrutura dobrável, que facilita a arrumação e transporte. Os dois modelos propostos procuram responder a diferentes posturas dos visitantes do hotel. Os dois modelos propostos, permitem uma postura mais relaxada ou a relação com uma mesa,  procurando responder às necessidades de diferentes espaços do hotel.

 

  1. Joana Costa e Liliana Santos

Banco inspirado na típica cadeira algarvia de Monchique. De pequenas dimensões, permite inúmeras formas de sentar. A “mesa” de apoio torna-se ideal como suporte para copos, computadores portáteis ou um caderno de apontamentos.

 

  1. Milena Galazka, Érico Castro e Marco Ferreira

A  cadeira vai buscar inspiração a aspetos arquitetónicos tipicamente algarvios, como a chaminé. A opção por uma construção simples e alguns detalhes de forma remete para os bancos tradicionais antigos usados em Portugal. A cor branca, aplicada manualmente à trincha, contribui também para uma boa integração do objeto num ambiente rural algarvio.

 

 

  1. Tomás Gonçalves e Nuno Flórido

Uma cadeira de geometria simples, onde o estofo estabelece uma referência visual e sensorial com os  sacos de serapilheira habitualmente usados para transportar e armazenar sementes. Ao ser cheio com e diferentes tipos de semente, a utilização do estofo na cadeira vai invocar memórias do passado, quando era habitual usar estes sacos para sentar.

 

  1. Frederico Ferreira e Raquel Crespo

Bancos de três pernas inspirados nas tradicionais “cadelas” alentejanas construídas a partir de bifurcações de troncos de azinheira. Este projeto procura proporcionar uma experiência de sentar mais baixa, próxima das cadelas originais, facilitando contudo o seu processo produtivo, transporte e comercialização. Os assentos são construídos a partir de secções comuns de troncos de azinho, que ao serem combinadas de diferentes formas originam que cada assento seja único. Os pés amovíveis permitem que o banco seja compactado numa embalagem plana.

 

SISTEMAS DE VENDA

  1. Inês Miravent e Patrícia Barbosa

Lembra as caixas de madeira que se costumavam encontrar nas mercearias e mercados portugueses e a forma como estas eram usadas para mostrar e transportar fruta e vegetais.

Para além de banca, funciona como baú que permite transportar e armazenar facilmente produtos no seu interior. As superfícies laterais podem ser abertas e ajustadas em diferentes ângulos para acomodar as necessidades dos vendedores e possibilitar um espaço amplo de exposição. Os vendedores podem assim destacar-se uns dos outros através da composição escolhida para a abertura das superfícies e/ou pela adição de outros módulos ao conjunto.

O auxílio das rodas permite-lhe realizar pequenos percursos sem dificuldade.

 

  1. Maria Coutinho, Déborah Fontela e João Correia

Banca de venda móvel projetada a pensar na organização, armazenamento e exposição de produtos através de um sistema de gavetas, que possibilitam ao vendedor facilmente dispor os produtos de forma diferenciada. O contacto entre o vendedor e o cliente é incentivado pela incorporação de um espaço para a preparação e degustação dos alimentos vendidos na banca.

 

  1. Joana Costa e Liliana Santos

A banca, constituída por módulos independentes, facilita o transporte e a montagem. A duplicação da área de venda é conseguida pela simples adição de um suporte vertical e de uma plataforma horizontal, facilitando a ampliação do espaço de venda. É ainda possível expor produtos em caixas, que são suportadas por duas traves estruturais colocadas sob as bancadas, aumentando o aproveitamento do espaço disponível.

 

 

 

  1. André Calvão, Cátia Correia e Rafael Sabino

Procurou-se no desenvolvimento desta banca de venda oferecer aos utilizadores uma grande versatilidade expositiva. A superfície de venda é regulável em altura e inclinação, proporcionando uma fácil adaptação às necessidades específicas de cada vendedor.

Para além disso, dispõe de um toldo grande e regulável que proporciona uma área de sombra constante, uma vez que à medida que o sol se movimenta também o toldo pode ser ajustado, salvaguardando os alimentos ou outros objetos em exposição.

Embora apresentando uma dimensão  considerável quando montada, o conjunto das peças desmontadas resume-se a um volume compacto e facilmente transportável.

 

  1. João Sousa

O tabuleiro recria formalmente as antigas padiolas de transporte, adaptando o seu dimensionamento para o transporte e exposição de produtos para  venda no mercado. A montagem é muito facilitada, na medida em que estes tabuleiros simplesmente se pousam sobre dois cavaletes, agilizando o processo de ocupação e libertação do espaço de venda.

 

  1. Milena Galazka, Érico Castro e Marco Ferreira

Banca de venda móvel com zona de arrumação interior que se converte em espaço de exposição de produtos. Na sua construção vai buscar inspiração a elementos arquitetónicos algarvios, como a chaminé ou a cor branca, aplicada manualmente à trincha.

 

 

MAIS INFORMAÇÕES:

www.casa-mae.com

https://www.publico.pt/sociedade/noticia/uma-casa-mae-no-centro-de-lagos-1725847

Seminário Permanente na ESAD.CR

Seminário permanente de investigação spbre criação e pensamento contemporâneo:

Laboratório D’Estórias com Rute Rosa e Sérgio Vieira.

ESAD.CR 2016

 

Conferências PAR

As Conferências PAR são um evento de divulgação/discussão científica, que nesta edição acolheu também a investigação de alunos de mestrados da ESAD.CR.

ESAD.CR: 2016

Semana Internacional/International Week

No dia 2 de Maio tem lugar, na ESAD.CR, o início da Semana Internacional. O evento prolonga-se até dia 6 de  Maio.

A Semana Internacional/International Week do IPLeiria – ESAD.CR – apresenta diversos workshop’s, exposições, conversas e convívios.

Aula Aberta de Indústrias Criativas -“Entre Amadores e profissionais: novos desafios das culturas DIY “

Aula Aberta de Indústrias Criativas -“Entre Amadores e profissionais: novos desafios das culturas DIY ”

Mestrado em Gestão Cultural

Museu Malhoa

21 de Abril | 16h
Entre Amadores e profissionais: novos desafios das culturas DIY.
Prof. Fernando Poeiras e Prof. Luísa Arroz Albuquerque
Orador Convidado: Dra. Paula Guerra, Socióloga da Faculdade de Letras da Universidade do Porto

Luísa Arroz Albuquerque
Professora Adjunta
Coordenadora do Mestrado em Gestão Cultural

Escola Superior de Artes e Design de Caldas da Rainha Instituto Politécnico de Leiria

Link do Blogue: https://gestaoculturalesad.wordpress.com/

6ª Edição do EVA – Festival de Vídeo e Artes Digitais – 2016

É nos dias 1 e 2 de junho que irá decorrer a 6ªEdição do Festival EVA, na Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha.

O Festival EVA tem como objetivo ser um espaço de experimentação e de contacto com a área dos Vídeos e das Artes Digitais. A ESAD.CR apresenta essas vertentes em vários cursos que oferece, mas este Festival incide mais na área do Design Gráfico e do Design Multimédia, pois estes têm desenvolvido um trabalho muito sólido nesta área. Observa-se então trabalhos de Video-Mapping, Video Art, Motion Graphics, Instalações Multimédia e Performances.

O ponto mais forte e chamativo nas edições do Festival EVA é o Video-Mapping, pois está a tornar-se numa modalidade cada vez mais conhecida. O Video-Mapping é uma técnica de projeção usada para transformar qualquer superfície, até a mais irregular, numa tela de vídeo dinâmica. Pode ser em fachadas de edifícios ou em qualquer distorção, onde se criam várias perspetivas apenas com os movimentos das imagens.

Outro grande ponto interessante no EVA, é o facto de dar aos alunos da escola, a oportunidade de mostrar os seus trabalhos em diversas exposições que estarão expostas durante todo o Festival. É uma forma de se promoverem, espalhando a sua criatividade quer a nível escolar e profissional, uma vez que nomes de profissionais com relevância nesta área estaram presentes no Festival EVA.

O EVA teve a sua primeira edição no ano de 2011 e a beleza das artes digitais encantou a comunidade. O Festival tem vindo a evoluir bastante, nos primeiros quatro anos o evento durava somente um dia, mas no ano de 2015 os organizadores (finalistas dos cursos de Design Gráfico e Design Multimédia e docentes da ESAD.CR) sentiram a necessidade de mostrar os seus projectos e alargar para dois dias de evento.

Nestas últimas edições têm surgido diversos convidados, com marcos e características importantes na área que aborda o Festival EVA e a comunidade da ESAD.CR.

Como a contagem decrescente já começou, os interessados a mostrar os seus trabalhos têm até ao dia 25 de maio para os enviar. Podem fazê-lo pelo email evavideofestival@gmail.com. Alguma dúvida e pode enviar mensagem privada para a página do Facebook ou para o email referido.

O Eva espera por ti, não percas esta oportunidade!

Aventura-te nesta nesta viagem cósmica!

Para mais informações acompanhem o desenvolvimento do Festival através das seguintes redes sociais:
http://evafestival.tumblr.com/
https://www.instagram.com/festival_eva/

 

 

unnamed

Seminário Permanente na ESAD.CR

Amanhã Seminário Permanente na ESAD.CR

Conferência . PARA CRIADORES QUE LÊEM MUNDO. EDIÇÃO, LEITURA E COMUNICAÇÃO

Mafalda Milhões

Auditório Ep1

17h00

amanhãaa

Inscrições Workshop Descontinuidade – Design para Sustentabilidade Voltado ao setor de Embalagens de Alimentos em Autosserviço

Inscrições abertas para o Workshop Descontinuidade – Design para Sustentabilidade Voltado ao setor de Embalagens de Alimentos em Autosserviço.

Dulce Albach

4/05/16

ESAD.CR

13006726_975627762514739_3506936080841950138_n

 

Inscrições Workshop Desenho como Experiência do Lugar

Inscrições abertas para o Workshop Desenho como Experiência do Lugar – Autoetnografia em Livros de Artista com Filipa Pontes

27, 28 e 29 de abril

ESAD.CR

hojeee

 

Seminário Permanente na ESAD.CR

Seminário Permanente na ESAD.CR

Conferência Sound Design para Cinema Usando Sistemas de Partículas

Nuno Fonseca – João Henrique

Auditório Ep1

17hoo

19 de abril

13062025_974464925964356_4451464638712933599_n

Oficina de Serigrafia – ESAD.CR

Video institucional realizado no âmbito da disciplina de Captação de Som para Imagem de 1º ano.

Som e Imagem 14/15

ESAD.CR

Seminário Permanente na ESAD.CR

HOJE: Seminário Permanente na ESAD.CR.

Apresentação de trabalho/Conversa com designers . URBANGROW – SISTEMAS VIVOS- João Henrique.

Auditório Ep1 – 17h00

13015157_972052269538955_5301603867248843941_n

Tomada de pose do novo Diretor Prof.Doutor Samuel Rama

Foi na passada segunda-feira, 11 de abril, que se deu a tomada de pose do novo do novo Diretor da Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha.

Foi na sala do Concelho Científico da ESAD.CR que o Prof.Doutor Samuel Rama assumui o cargo.

 

12990844_971686472908868_5728291978613950326_n

Exposição de Escultura, Fotografia e Desenho de António Delgado + Amaia Lekerikabeaskoa & Isusko Vivas

Portugal – País Basco: 836 Km de Meditações à Volta da Arte

De 7 de maio a 25 de junho 2016

Paisagens do imaginário que são vividas e construídas ao serem percorridas (com suas relações espácio-temporais não virtuais e não distorcidas por meios tecnológicos de compressão do tempo e dilatação do espaço).

Espaço-tempo que também funciona com a sua verdadeira magnitude na corporização da própria escultura, como que peças articuladas para montar o “corpo da arte” na sua tangível área, superfície e dimensões de cota, distância e profundidade, que marcam outros hiatos específicos no diálogo com as caraterísticas arquitetónicas ou paisagísticas dos lugares fotografados.

Diálogos por vezes cosidos mediante vazios plenos e ou paisagens loquazes que, além do design e do projeto, põem em relação as ideias com as coisas.

Apelamos a “revisitações” intrínsecas das quais podemos extrair aquelas “ materializações intangíveis” do que designamos “es-cultura”.

A proposta parte assim de um compromisso onde pretendemos que o escultórico, o fotográfico e o desenho se revelem e a paisagem aconteça.

1b04f944-2f95-44ae-ba9a-5462889a8844Inauguração: 7 de maio, 17h00

Paços – Galeria Municipal de Torres Vedras

2ª a Sáb.: 09h30 às 19h00

Praça do Município

2560 Torres Vedras

+ info: http://www.cm-tvedras.pt/agenda/detalhes/61040/

Ciclo de Cinema na ESAD.CR

Não perca todas as segundas-feiras, no Auditório EP1 da ESAD.CR, o ciclo de cinema.

“D’Est”; “Paris is burning” e “E agora? Lembra-me” são os nomes das próximas exibições, que têm início marcado para as 18h.

139976e6-2602-4f96-8c0b-3d9f0c8d09b5

Apresentação Doclisboa/Verdes Anos, com a presença de Francisco Ferreira, ex-aluno da ESAD

Foi no dia 8 de abril, no Auditório EP1 da ESAD.CR que se deu a apresentação da produção e realização cinematográfica em contexto académico e a ponte para um contexto profissional.

O Doclisboa – Festival Internacional de Cinema organiza, com a disciplina de Projecto Final de Som e Imagem, um encontro com os alunos daESAD.CR, criando um espaço informal onde serão partilhadas experiências, conhecimentos e interrogações em torno da produção e realização cinematográfica em contexto académico e a ponte para um contexto profissional. Esteve presente Francisco Ferreira, realizador de “Kazova”, que percorreu este filme cena a cena, analisando profundamente métodos e estratégias criativas e de produção.

Foi também apresentada a renovada secção Verdes Anos, sendo que os filmes selecionados para esta edição concorrem a um conjunto de bolsas de formação e desenvolvimento de projecto a atribuir em parceria com diversas entidades nacionais e internacionais.

 

file:///C:/Users/Utilizador/Downloads/Sessa%CC%83o_DocLx.pdf

 

 

Concurso-prémio nacional Arte Jovem 2016

A Bolsa de Emprego vem por este meio divulgar um concurso-prémio nacional dirigido a alunos dos cursos de artes visuais (licenciaturas e mestrados) finalistas em 2016 e, também, a alunos que tenham terminado os cursos em 2015 ou 2014.

O concurso tem como objetivos:
– Dar a conhecer as mais recentes propostas dos artistas que acabam de entrar no mundo arte, dando assim uma visão mais alargada da produção artística nacional;
– Criar a oportunidade de realizar a primeira exposição de apresentação de trabalho, com acompanhamento curatorial, vendas e catálogo; – Propor uma dinâmica mais competitiva entre as escolas;
– Cativar o mercado da arte, criando novas possibilidades de aquisição por colecionadores;
– Criar novos meios de divulgação e financiamento das atividades do CDAP, revertendo parte das vendas a favor da referida associação cultural.

As candidaturas deverão ser enviadas para o e-mail info@carpe.pt até às 23h59 do dia 20 Maio de 2016.

http://www.carpe.pt/pt-pt/content/arte-jovem-2016

PostFacebookArteJovem1_CarpeDiem_Mar16

Aluno da ESAD.CR Frederico Ferreira realiza exposição de trabalhos no Festival Internacional de Folclore Culturas e Artes em Almeirim

A exposição inaugura no dia 16 de Abril pelas 18h00, na Biblioteca Municipal de Almeirim.

Está inserida no Festival Internacional de Folclore Culturas e Artes, o qual conta com a presença de países tais como a Ucrânia, Lituânia, Polónia, Colômbia, Turquia, Paraguai, Moldávia e Egipto.

12976753_971433892934126_750499338081351091_o

 

Alunos da ESAD.CR participaram no Encontro Nacional de Estudantes de Design em Coimbra/ ENED 16

O ENED  é um encontro que recebe, desde a primeira edição centenas de estudantes, entusiastas e profissionais de referência das diferentes disciplinas da área do Design.

 

Surgiu em 2012, em Coimbra, tomando lugar nos anos seguintes nas cidades do Porto, Castelo Branco e Aveiro.

Com mais de 1000 participantes desde a sua primeira edição, o ENED é já um evento a não perder para muitos dos estudantes das mais de 40 instituições de ensino e mais de 50 cursos de Design em Portugal.

Mais um ano em que a ESAD.CR marca presença numa edição em Coimbra.