“Pára-me de repente o pensamento” – ESTREIA EM CALDAS DA RAINHA

Na produção do documentário, “Pára-me de repente o pensamento” de Jorge Pelicano, encontram-se dois antigos alunos da ESAD.CR -Vasco Santa Martha e Tiago Maduro

“PÁRA-ME DE REPENTE O PENSAMENTO”
ESTREIA EM CALDAS DA RAINHA
11 ABRIL | 21H30 | CENTRO CULTURAL E CONGRESSOS CALDAS DA RAINHA

“Pára-me de repente o pensamento” de Jorge Pelicano, é um documentário cinematográfico que mostra uma visão pouco explorada sobre o mundo da doença mental através do olhar do ator Miguel Borges que submergiu, durante três semanas, na realidade do Hospital Psiquiátrico Conde de Ferreira (Porto) para a preparação e pesquisa de uma peça de teatro sobre a loucura.
O ator acaba por integrar o grupo interno do teatro terapêutico constituído por alguns utentes que ensaiam uma peça a propósito dos 131 anos da instituição hospitalar. “Pára-me de repente o pensamento” pretende contribuir para derrubar estigmas em torno da doença mental permitindo ao público, através dos testemunhos dos utentes na primeira pessoa, abordar o lado humano, o irracional, o emocional e todos os outros lados que, afinal, constituem a complexidade humana.
O documentário já venceu vários prémios nacionais (Grande Prémio, Melhor Realizador, Prémio do Público nos Festival Caminhos do Cinema Português) e continua digressão por festivais internacionais.
Trailer: https://vimeo.com/125805620
Teaser: https://vimeo.com/108370674
Website: www.paramederepenteopensamento.com
Facebook: https://www.facebook.com/paramederepenteopensamento

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s